quarta-feira, 5 de abril de 2017

Consequências da obesidade

Todos nós sabemos que gordura não é sinônimo de saúde, mas muitas pessoas ainda parecem não ter se conscientizado de que as consequências da obesidade podem ser realmente muito graves.
Hoje compartilhamos com você o resultado de duas pesquisas que demonstraram que a obesidade pode provocar a morte se não for levada a sério.
Morte prematura é uma das graves consequências da obesidade
As estatísticas confirmam que a obesidade está crescendo cada vez mais, trazendo com ela um maior risco de diabetes tipo II e outras doenças crônicas graves. 
O pior de tudo é que os pesquisadores já confirmaram o que há muito tempo se suspeitava: a obesidade pode provocar a morte prematura.
Veja a continuação o resultado de um estudo sobre este assunto.
O Journal of the American Medical Association publicou um estudo que mostra que a obesidade parece diminuir a expectativa de vida, especialmente entre os jovens adultos.
Os pesquisadores compararam o Índice de Massa Corporal (IMC) com a longevidade e descobriram uma correlação entre a morte prematura e o IMC mais alto.
Por exemplo, estimou-se que um homem branco de 20 anos, 1,75m, pesando 140 quilos com um IMC maior que 40 pode perder 13 anos de vida como consequência da obesidade.
Leia mais: Consequências da obesidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário