quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Como aliviar as cólicas menstruais

Boa parte das mulheres sofre todos os meses com as temidas cólicas menstruais, dores intensas provocadas quase sempre antes do período.
Mas, será que existe alguma maneira de aliviar este martírio produzido pelo ciclo mensal da mulher?
Por que existem mulheres que não sentem dor menstrual, ou apenas a sentem com baixa intensidade?
Origem da cólica menstrual
Antes de irmos direto ao assunto, deixe-nos explicar-lhe a causa da dor gerada pela chegada da menstruação.
Conhecida na terminologia médica como ‘dismenorreia’, a cólica menstrual é um dos sintomas provocados por químicos produzidos pelo útero chamados ‘prostaglandinas’.
Sua função é ajudar o músculo do útero a se contrair, permitindo que tecidos e fluidos sejam eliminados durante o ciclo da menstruação.
Segundo pesquisas, está comprovado que em algumas mulheres as prostaglandinas são produzidas em excesso, ocasionando contrações do útero mais fortes do que o normal, que geram a temida cólica menstrual.
Agora que já sabe o motivo das suas cólicas, você pode ver a continuação algumas recomendações que lhe ajudarão a livrar-se deste martírio desnecessário, melhorando a sua saúde e qualidade de vida!
Veja 10 dicas para aliviar as cólicas menstruais
1 – Mantenha uma alimentação equilibrada
Os químicos regem todo o funcionamento do nosso corpo e, qualquer desequilíbrio, pode acarretar algum efeito negativo.
Leia mais: Como aliviar as cólicas menstruais.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Os benefícios da melancia

Hoje compartilhamos com você algumas dicas e informações sobre os benefícios da melancia para a saúde.
Esta não é só uma fruta deliciosa y refrescante que pode manter-nos hidratados durante o verão. Também pode proporcionar muitos outros benefícios, já que é cheia de nutrientes.
Em primeiro lugar, esta é a variedade de fruta que tem mais água, pertencente à família Cucurbitaceae. Hoje podem ser identificadas mais de cinquenta espécies diferentes.
Mas, que benefícios têm para a saúde e quais são suas propriedades mais importantes? Que valores nutricionais possui? Vejamos isso a continuação.
Esta fruta contém grandes quantidades de vitamina C, vitamina A, potássio e magnésio.
Além demais, contém licopeno e beta-caroteno, duas substâncias antioxidantes que têm o potencial de reduzir o risco de câncer.
Cabe salientar que o licopeno é uma substância que, quando encontrada em abundância na corrente sanguínea, certamente desempenha um papel fundamental no que se refere à neutralização dos radicais livres.
O conteúdo destes e outros antioxidantes aumenta à medida que a melancia amadurece, por esse motivo, para obter-se o máximo da sua nutrição, é necessário comê-la quando está madura.
Para descobrir isto podemos sentir o seu peso. A fruta bem madura é composta por mais de 90% de água, por isso se sentirá mais pesada do que outras do mesmo tamanho e menos maduras.
Leia mais: Os benefícios da melancia.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

O que é bom para dor de ouvido

Hoje compartilhamos com você vários remédios caseiros que podem tratar e aliviar a dor de ouvido de forma natural. Mas antes, vejamos o que causa esta dor.
As dores de ouvido são causadas por uma acumulação de fluido no ouvido médio, especificamente numa cavidade com uma fina drenagem chamada trompa de Eustáquio, que comunica com o nariz e a garganta para equalizar a pressão do ar em todos os pontos.
O referido fluido pressiona o tímpano e outras estruturas do ouvido interno, impedindo que a drenagem seja feita normalmente.
Este desconforto é produzido por uma inflamação do tecido que recobre a área, ocasionado pela irritação do mesmo.
Quando se inflama, o canal aumenta o seu tamanho e, é claro, pode se fechar.
O resto das estruturas do ouvido também acabam se inflamando e tudo isso leva aos sintomas típicos deste trastorno da saúde auricular.
O aumento da pressão pode resultar em uma dor severa, falta de ventilação, infecção e perda temporária da audição.
Por isso, quando viajamos de avião sentimos os ouvidos tampados.
Em certos casos, a acumulação de fluido é causada por uma bactéria ou um resfriado, mas também pode ser causada por uma condição de saúde própria da garganta, boca ou nariz.
Leia mais: O que é bom para dor de ouvido.